(13)3024-2005 | E-mail
Publicações:
Leia as publicações dos profissionais da Advogados em Santos .
Imposto de Renda 2021

Imposto de Renda 2021

Alguns cuidados na hora de prestas as contas ao LEÃO

A tecnologia tornou o acesso à informação mais fácil e rápido para a Receita Federal

A partir de março de 2021 terá início o prazo para envio das Declarações de Imposto de Renda. Estão obrigados a declarar os contribuintes que:

  • Receberam rendimentos tributáveis em 2020 superior a 28.559,70;
  • Obtiveram rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja a soma foi superior a R$ 40.000.00;
  • Obtiveram ganho de capital em qualquer mês, ou que realizou operações em bolsa de valores;
  • Atividade rural com receita bruta superior a R$142.798,50;
  • Tiveram posse ou a propriedade, em 31 de dezembro do ano calendário, de bens ou direitos, inclusive terra nua, no valor total igual ou superior a R$300.000,00;
  • Passaram à condição de residente no Brasil;
  • Tiveram retenção de IRRF nos salários, aposentadorias, pensões, aluguéis;

O contribuinte deve ficar atento na hora de enviar os seus dados à Receita Federal para não cair na malha fina.

Alguns erros como são muito comuns, como não declarar todos os rendimentos tributáveis recebidos, dentre eles: salários, pró-labores, proventos de aposentado, aluguéis;

É importante também declarar todos os bens, caso tenha comprado ou vendido um imóvel, se possui imóveis alugados, tudo deve ser declarado no imposto de Renda.

Hoje em dia, com o avanço tecnológico, a Receita possui inúmeros meios de cruzar informações e ter acesso a ganhos ou entradas não declaradas.

O contribuinte deve ter atenção ao informar despesas médicas, uma vez que esses valores são dedutíveis de IRPF, ou seja tais gastos reduzem o valor a pagar do imposto, motivo pelo qual é importante estar sempre com os comprovantes das despesas contendo o CNPJ do prestador de serviço.

Os documentos necessários para realizar sua Declaração:

  • Declaração anterior;
  • Identificação;
  • CPF de dependentes;
  • Informes de rendimentos;
  • Informes de instituições financeiras;
  • Recibos de despesas médicas e com educação;
  • Documentos referentes a bens; Outros.

O prazo para entrega da DIRPF vai de 01/03/2021 a 30/04/2021, lembrando que a não entrega da declaração, dentro do prazo estipulado pela Receita Federal, pode acarretar multa, além de importar, em alguns casos, em crimes contra a ordem tributária.

Portanto, se antecipe e evite dor de cabeça (e no bolso)!


GOSTOU DO NOSSO INFORMATIVO?

CURTE NAS NOSSAS REDES SOCIAIS E COMPARTILHA NOSSO CONTEUDO COM SEU AMIGOS.

https://www.facebook.com/miyaokaadvogadosassociados

https://www.instagram.com/miyaokaadvogados/?hl=pt-br

Compartilhar esta publicação